Quanto tempo deve durar um colchão?

É difícil exagerar a importância de um colchão confortável e de suporte. Você vai passar aproximadamente um terço do seu tempo na cama, e um colchão de qualidade pode significar a diferença entre um cochilo repousante e ficar agitado se revirando e revirando. Mesmo os colchões da mais alta qualidade se degradam com o tempo, mas quanto tempo um colchão deve durar?

Este guia discutirá quanto tempo os colchões geralmente duram. Vamos ajudá-lo a decidir quando substituir um colchão e a analisar a vida útil típica de um colchão em várias categorias.

Quanto tempo deve durar um colchão?

A maioria dos colchões deve durar entre 7 e 10 anos. No entanto, existem muitas variáveis ​​que podem influenciar a longevidade do colchão.



A qualidade de construção original do colchão, os materiais usados ​​e até mesmo o peso e o estilo de dormir das travessas podem influenciar a longevidade de uma cama.



Obviamente, os colchões não têm uma data de validade explícita. Cabe ao indivíduo decidir quando é hora de uma nova cama. Muitas vezes, ficamos tão acostumados com nossas camas que não percebemos que há um problema.



Ao mesmo tempo, o conforto e o apoio do nosso colchão são vitais para a qualidade do nosso sono. Mesmo que os colchões possam ser uma despesa significativa, vale a pena substituí-los regularmente.

Fatores que influenciam a vida útil do colchão

Embora a diretriz geral seja de 7 a 10 anos, nem todos os colchões resistem tão bem aos testes do tempo. Vários fatores contribuem para a vida útil de um colchão, incluindo:

Materiais: Os materiais usados ​​na construção de um colchão terão um grande impacto em sua longevidade. Materiais como látex e espuma de poliestireno de alta densidade podem durar muito tempo, enquanto a espuma de poliestireno de baixa densidade pode se desgastar muito mais rapidamente.



Qualidade Original: A qualidade do seu colchão quando você o comprou originalmente terá um impacto na duração dele. Um colchão de baixo custo quase certamente se desgastará mais rápido do que um colchão híbrido de alta qualidade. Embora um preço mais alto não signifique necessariamente um produto melhor, a tendência geral é que os colchões mais caros geralmente tenham uma construção de melhor qualidade e tendam a durar mais.

Tipo de colchão: O seu colchão é uma cama totalmente de espuma, híbrida, de látex ou de molas internas? O tipo de colchão pode afetar substancialmente sua longevidade. Os colchões de látex tendem a durar mais, seguidos por camas feitas com espumas de memória de alta densidade ou poliespumas. As camas de espuma de baixa densidade se desgastam um pouco mais rápido, assim como os modelos híbridos. As camas tradicionais de molas internas geralmente têm a expectativa de vida mais curta, de aproximadamente cinco anos e meio a seis anos e meio.

Posição do sono e peso corporal: A posição em que você dorme, bem como o peso do corpo, afetarão a rapidez com que o colchão se desgasta. Pessoas que dormem mais pesadamente podem descobrir que seus colchões começam a ceder prematuramente, enquanto as que dormem de lado podem ter uma flacidez excessiva em torno dos quadris e ombros.

Rotina de cuidados: Como a maioria das coisas na vida, se você cuidar do seu colchão, ele vai durar mais. Os cuidados adequados com o colchão incluem limpeza de rotina, utilização de capas protetoras e cumprimento das orientações de cuidados do fabricante. Alguns colchões podem ser virados ou girados regularmente, mas certifique-se de verificar as recomendações do fabricante.

A tabela abaixo resume as classificações de desempenho e durabilidade para os tipos de colchões mais populares. Obtenha as informações mais recentes sobre o sono em nosso boletim informativoSeu endereço de e-mail será usado apenas para receber o boletim informativo gov-civil-aveiro.pt.
Mais informações podem ser encontradas em nossa política de privacidade.

Tipo de colchão Innerspring Espuma Látex Híbrido
Tempo Médio de Vida 5,5 - 6,5 anos 6 - 7 anos 7,5 - 8,5 anos 6,5 - 7,5 anos
Avaliação de durabilidade Pobre a justo Justo para bom Bom a muito bom Justo para bom
Resistência à flexão Pobre a justo Feira Boa Feira
Resistência ao amolecimento prematuro Boa Pobre a justo Justo para bom Justo para bom
Resistência ao desenvolvimento de impressões corporais Boa Pobre a justo Justo para bom Boa
Avaliação geral de longevidade Feira Boa Muito bom Boa

Quando substituir um colchão

Saber quanto tempo um colchão deve durar é útil, embora, em última análise, essas sejam apenas diretrizes. Descobrir quando é hora de trocar o colchão é uma decisão pessoal que envolve vários fatores. Aqui estão algumas perguntas para se fazer:

  • Você está dormindo bem?
  • Você acha que dorme melhor em hotéis ou em visitas à família?
  • O seu colchão está flácido ou sem suporte?
  • Você acorda com dores e sofrimentos?
  • Você ou seu parceiro se reviram durante a noite tentando ficar confortável?
  • Você sente os movimentos do seu parceiro à noite mais do que antes?
  • Você notou um aumento nas alergias ou nos sintomas de asma?
  • Já se passaram 7 anos desde que você comprou sua cama?

Se você puder responder sim a uma ou mais dessas perguntas, pode ser hora de substituir o colchão.

Se você ainda está dormindo profundamente e seu colchão parece estar funcionando bem, então talvez você possa espremer mais alguns anos fora dele. Dito isso, recomendamos substituir o colchão regularmente, pois vale a pena o investimento em sua saúde e bem-estar.

Antes de comprar um novo colchão, vale a pena verificar os detalhes da garantia do seu colchão. Se um problema que você está tendo com seu colchão estiver coberto pela garantia do fabricante, é possível que você conserte ou substitua sua cama.

Se o colchão não estiver coberto pela garantia, é hora de começar a comprar uma nova cama. De modo geral, comprar um colchão online será a opção mais econômica, embora também haja méritos em comprar uma cama em uma loja de colchões.

Artigos Interessantes